Oficina de Arduino

By 19 de agosto de 2015Português

20150807_161128Para oferecermos atividades maker com diversidade,  qualidade e excelência na programação do CTJ American Space, o fortalecimento do trabalho em equipe e capacitação continuada de nossa equipe do Resource Center da Thomas é essencial. Assim, na primeira quinzena de agosto, a equipe do RC e alguns professores participaram de um Workshop de Introdução a Arduíno e Kano

O Arduíno <link: https://www.arduino.cc/> é uma plataforma de prototipagem, de hardware livre, montada em uma única placa eletrônica, que consiste de um microcontrolador mais outros componentes complementares que facilitam a programação e incorporação para outros circuitos. Com uma placa Arduíno, além de podermos introduzir conceitos básicos de eletrônica e também de programação (coding), podemos, por exemplo, identificar a aproximação de uma pessoa e variar a intensidade da luz do ambiente conforme a sua chegada; ou abrir as janelas de um escritório de acordo com a intensidade da luz do sol e temperatura ambiente. Após dominar a tecnologia e o raciocíncio de programação, as possibilidades são infinitas.

Já o Kano <link: http://www.kano.me/> é um kit de mini computador para ser montado como se fosse um Lego. Ao montá-lo, podemos conhecer melhor a interface de hardware de um computador com suas peças básicas. A partir daí, seu sistema operacional nos inicia no caminho da codificação de forma lúdica e amigável.

E por que devemos usar tecnologias como essas em programas de nossos American Spaces? Primeiro, porque aprender a usar placas Arduino pode permitir que as pessoas encontrem soluções para problemas do dia a dia, já que ele é extremamente flexível, permitindo usá-lo repetidamente para diferentes fins. Além disso, projetos com Arduino permitem que os participantes desenvolvam competências digitais do século 21 por meio da aprendizagem colaborativa e desenvolvam sua capacidade empreendedora e de inovação que são tão características da cultura americana.

O workshop foi ministrado pelo estágiário do CTJ Maker Space da Asa Sul, Vitor Duarte. Aluno do curso de Mecatrônica da Universidade de Brasília, Vítor é um entusiasta das duas tecnologias e ao dividir conosco esse conhecimento abriu novas possibilidades de atividades a serem conduzidas em nossos Maker Spaces. Com certeza, em breve teremos atividades com ambos em nossa programação!

Leave a Reply